quinta-feira, março 22, 2007




Dá-me...
Dá...
Dada.
O dado rola,
Tomba esquinado,
Cai enquinado,
Atropelado
Por uma bola!
O tempo impassa...
Serei carcaça
Mas não cresci.
Flutua a lua
Tão amarela!
A lua nua,
A lua crua,
Pela janela.
Dá.
Não dês.
Joga outra vez...


Imagem de www.sdreams.com.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

advertising
advertising Counter