quinta-feira, dezembro 16, 2010

Os media





Os media são tudo e nada
(supõe-se que exista algo no meio)
Só eles como só eles e eles apenas
São o poder número já lhe perdi a conta
Em plena hipérbole mirabolante como eles só
Eles como apenas eles na geometria da TV
É Natal vamos todos dar as mãos
As crianças a sorrir e a cantora nem desliza
Somam-se-lhe tragédias e as crises imparáveis
Tantas geometrias antitéticas ao comando
E, em verdade, não sendo eu tudo nem nada
Quero apenas meditar como dentro da mandala
Escrever tudo o que penso e ainda o que não penso
E organizar festas plenas silenciosas na cabeça
Eu que não sou os media
Que não sou poder
Nem quero ser


Imagem de: http://info.abril.com.br.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

advertising
advertising Counter