sexta-feira, agosto 15, 2008

Dias santos





Nos dias santos vazios pelas extensas ruas
Pairam fantasmas calados de uma preguiça divina
Vultos imperscrutáveis transparecendo de branco
E a luz cai por sobre as montras embrulhadas em tapumes
E ao longe tocam os sinos de uma igreja caiada
E na esplanada há quem beba martinis à hora pequena
E a música de fundo paira-me sobre os cabelos revoltos
Nos dias santos de Agosto em pensamentos soltos


Imagem de: www.stdominics.co.za.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

advertising
advertising Counter