sexta-feira, setembro 01, 2006

Os sopros os sopros...

BAÚ DE MEMÓRIAS


Os sopros, os sopros
Casam-se, separam-se, divorciam-se, reagrupam-se
Seguem caminhos separados e encontram-se em esquinas redondas
Em partituras, sepulturas, pias baptismais
Quebram como madeiras, fundem-se como metais
São pessoas, seres humanos plausíveis
Capazes de desafinações e harmonias incríveis
Os sopros uivam como animais
E acasalam com meiguice ou com sangue
Os sopros são sons básicos essenciais
Eles são o próprio big bang.


13 de Julho de 2004


Imagem de http://en.wikipedia.org.

1 Comments:

Blogger Maria P. said...

Gosto dos tesouros que saem desse baú.

beijinhos

10:33 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

advertising
advertising Counter