sábado, abril 22, 2006

Nos altares dos deuses


Em tempos antediluvianos
Sacrificavam-se pessoas nos altares dos deuses...
Procurava-se ganhar força desse modo,
Conquistar os poderes do universo.
Em tempos pós-diluvianos
Sacrficam-se pessoas nos altares dos deuses...
Procura-se ganhar força desse modo,
Conquistar os poderes do universo.
Deuses falsos eram adorados,
É o presente que no-lo garante
Na sua auto-imagem espectacular.
Amanhã, enterrar-se-ão os deuses do passado
No grande desfile da sabedoria e racionalidade...
Toquem os tambores e os sintetizadores!
Marchem a prumo! Pisem as vias!
A verdade está nesse dia-a-dia festivo,
No ar sufocado de confetis coloridos,
Nos vivas, nos hurras, nos para sempre de sempre,
Nos gestos aprendidos, nos rituais,
Nas convicções de há um minuto atrás...
Marchem a prumo, marchem sem rumo,
Que o sangue jorre de todas as almas!
É o que nos une e nos civiliza.


Imagens de www.rotten.com, http://web.mit.edu e http://pslasswell.blogspot.com/.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

advertising
advertising Counter